criancas-retiradas-as-familias-obrigadas-a-isolamento-de-14-dias

Notícias

Crianças retiradas às famílias obrigadas a isolamento de 14 dias

2 min. 25.08.2020

A comissão instaladora da Associação AjudAjudar enviou uma queixa para a Provedoria da Justiça na segunda-feira por causa de uma orientação da Direção Geral da Saúde (DGS).

orientação atualizada pela Direção Geral de Saúde (DGS) a 23 julho prevê que crianças e jovens retirados às famílias entrem sozinhos nas casas de acolhimento e fiquem em isolamento 14 dias, mesmo que apresentem um teste negativo para a infeção pelo novo coronavírus.

notícia é avançada hoje pelo jornal Público, que informa que a comissão instaladora da Associação AjudAjudar enviou uma queixa para a Provedoria da Justiça na segunda-feira por causa desta orientação.

A associação considera a orientação inconstitucional, uma vez que se está perante uma "violação grosseira dos direitos das crianças e dos jovens mais desprotegidos", diz uma das responsáveis da Associação AjudAjudar, que defende que a "DGS passe a emitir orientações específicas para as casas de acolhimento e que deixe de equiparar crianças e jovens a idosos".

O documento assinado pela DGS reconhece que medidas podem ser "penalizadoras para uma criança que acaba de ser acolhida", mas defende que "não as implementar pode atentar contra o interesse das outras crianças e dos profissionais e voluntários que trabalham na instituição".

O Público escreve ainda que, até agora, o Instituto de Segurança Social (ISS) ainda não se pronunciou publicamente sobre a orientação em causa da DGS.

 

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Auchan 250

Diário

famatv-logo

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.