marcelo-decide-e-parlamento-vota-prolongamento-do-estado-de-emergencia

Notícias

Marcelo decide e parlamento vota prolongamento do estado de emergência

2 min. 16.04.2020

O Presidente da República decide esta quinta-feira, com parecer do Governo, sobre o prolongamento do estado de emergência por novo período de 15 dias, que durante a tarde será debatido e votado no parlamento.

Marcelo Rebelo de Sousa já fez saber na sexta-feira passada que pretendia renovar mais uma vez o estado de emergência, que vigora em Portugal desde 19 de março, defendendo que não se pode "brincar em serviço" nem "baixar a guarda" no combate à propagação da covid-19.

"Está formada a minha convicção - como sabem, é iniciativa do Presidente da República - quanto à renovação do estado de emergência", afirmou na altura aos jornalistas. Na quarta-feira, após ouvir os especialistas, confirmou que "tudo se encaminha" para essa decisão.

"Mas essa renovação pode ser que nalgumas facetas signifique, não diminuir a exigência de abril, não em relação à circulação das pessoas, mas apontar já para aquilo que vai ser a realidade de maio", admitiu o chefe de Estado, considerando que o próximo mês poderá ser já "de transição" para uma "retoma progressiva da vida social e económica".

De acordo com a Constituição, compete ao Presidente da República declarar o estado de emergência, mas essa decisão depende da audição do Governo e da autorização do parlamento, e não pode vigorar por mais de 15 dias, sem prejuízo de eventuais renovações com o mesmo limite temporal.

O atual período de estado de emergência é o segundo decretado por Marcelo Rebelo de Sousa e termina às 23:59 desta sexta-feira, 17 de abril. Se for novamente renovado por 15 dias, vigorará de 18 de abril até 02 de maio.

 

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Auchan 250

Diário

famatv-logo

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.